sexta-feira, 28 de novembro de 2008

Branca de Neve



Vi a neve pela primeira vez!
Sou tupiniquim, baiana, com o coração sergipano, 100% nordestina, fazer o que?
Sempre preferi o sol, o verão. Nunca passei minhas férias em lugar frio, imagine com neve. Esquiar? Nunca. Fazer boneco de neve? Piorou.
Tinha visto ontem que hoje nevaria. Santa previsão! Acordei e fui direto abrir a janela. A neve caia como propaganda de Natal de shopping center: branca, uniforme, imaculada. Formava uma camada branca nos carros, mas no chão, derretia.
Nevou bastante, mas só deu para fazer uma bolinha mixuruca (foto). Mesmo assim, a neve de hoje serviu para me deixar sorrindo como criança e morrer de saudade.
A chuva chama coberta e filme; a neve, a lareira e abraço (só para ser discreta).

4 comentários:

Marina disse...

Ahhhhh..vc me fez sentir a neve nas mãos....
me deixou com mais vontade de conhecer....
Beijos carinhosos e ensolarados do Brasilll!!
Marininha...rs

CALEIDOSCOPIO disse...

Que dilícia!!! Saudades da neve...é bom demais!!!
Estou esperando vc para almoço em solo baiano dia 19, hein!!!

Bjs, venha com Deus!

Martinha

Paula disse...

Ai gente, neve!!! Que delícia... dá pra notar sua felicidade com o sorriso "maroto" da foto.

Sábado encontrei seu pai no Ferrero. Me disse que vc está chegando...

Tô doida pra ouvir suas histórias de andanças...

Beijos

Michela Ricarte disse...

Meu amigo me chamou de "tabaroa"!!! Sou mesmo!